Possível veto presidencial: Portugal decide legalizar a eutanásia

Um veto presidencial é possível
Portugal decide se a eutanásia deve ser legalizada

Na sexta-feira, o parlamento português deverá aprovar a lei da eutanásia assistida por médicos.

(Imagem: AP)

Os deputados estão votando um projeto de lei que permite que adultos que sofrem de “sofrimento extremo e vulnerabilidade irreversível” recorram à eutanásia de fato. Médicos e psiquiatras devem validar a decisão se houver dúvidas sobre a capacidade de tomar uma decisão “livre e informada”.

A votação está prevista para a hora do almoço. Com a aprovação do Parlamento, Portugal, que tem maioria católica, passará a ser o quarto país da União Europeia, depois da Bélgica, Holanda e Luxemburgo, a permitir a eutanásia.

A lei deve ser assinada pelo presidente Marcelo Rebelo de Sousa, que acaba de ser confirmado no cargo. O conservador e devoto político católico não assumiu uma posição pública sobre o caso da eutanásia. Pode vetar a lei, mas é votada em uma segunda votação parlamentar.

READ  Previous 'The Bachelor' Peter Weber, Fifth Place Kelly Flanagan split: 'Our relationship simply didn't work out'

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *