Portugal satisfeito com o primeiro debate – EURACTIV.com

Ontem, o ministro português dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, confirmou que as primeiras discussões dos estados membros da União Europeia sobre a futura política comercial da União Europeia foram “excelentes”. No entanto, discussões difíceis ainda precisam ser feitas, por exemplo, sobre a ligação entre o comércio e a política climática.

Após uma videoconferência informal do Conselho dos Negócios Estrangeiros, Santos Silva deu uma conferência de imprensa conjunta com o Comissário da União Europeia para o Comércio, Valdes Dombrovskis. “Foi uma reunião muito produtiva.” Santos Silva explicou, referindo-se à revisão da “Agenda Comercial” da Comissão Europeia apresentada em 18 de fevereiro, que nos concentramos na revisão da política comercial europeia.

O ministro declarou que “esta comunicação da comissão foi um excelente ponto de partida para a nossa discussão e, claro, será a base sobre a qual construiremos os resultados preliminares que serão adotados em nossa próxima reunião oficial em maio”.

A Presidência do Conselho Português da União Europeia “quer ter em conta todas as contribuições dos Estados membros”.

O Comissário Econômico Dombrovskis também disse que a resposta inicial dos Estados membros foi “geralmente positiva”. No entanto, ele reconheceu que ainda há áreas que precisam de mais discussão, como “a questão da sustentabilidade, conectividade e interconexão” [zwischen Handelspolitik] E clima, bem como reforma da Organização Mundial do Comércio. “

De acordo com Dombrowskis, a estratégia comercial da UE “deve contribuir fundamentalmente para a recuperação econômica da Europa” na próxima década. E: “O sindicato assume mais do que nunca que exporta [diese Erholung] Irá dirigir. “

É por isso que eles reafirmam “o compromisso com o comércio aberto, justo e baseado em regras. Isso não é apenas idealismo europeu. É um imperativo político e econômico”, acrescentou Dombrovskis.

READ  Notícias da Fórmula 1 - Portugal também virão a dar um beijo na mão em 2021 - desporto

O Comissário do Comércio também sublinhou que a nova agenda comercial da UE deveria dar um maior contributo para outras prioridades. Mais uma vez, a retórica foi usada “mudança verde e digital”: assim, a comissão colocou a sustentabilidade “no centro da política comercial pela primeira vez”.

A Comissão apresentou a estratégia correspondente para a renovação da política comercial da União Europeia em fevereiro. Também sublinhou várias vezes que a política europeia deve tornar-se “mais aberta, mais sustentável e assertiva”, especialmente no que diz respeito aos parceiros comerciais mais importantes: a China e os Estados Unidos da América.

[Bearbeitet von Frédéric Simon und Tim Steins]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *