O assassino de Morges fazia parte de uma rede jihadista

Este foi o primeiro ataque jihadista na Suíça: naquela noite de sábado, o português Rodrigo J * (29) foi esfaqueado a sangue frio em uma loja de kebab em Morges VD. G. não teve chance – ele morreu no local. O culpado é um cidadão suíço-turco de 26 anos conhecido no Serviço de Inteligência Federal (NDB) desde 2017.

Um homem (29) foi morto em Morges F. O culpado de 26 anos veio, olhou e esfaqueou!(1:20)

Agora está claro que o assassino fazia parte de uma rede jihadista que incluía um suíço chamado “Amir”, recentemente condenado a 15 anos de prisão em Paris. Isso desempenhou um papel central no extremismo do perpetrador morgis, conforme relatado pela “SRF”. Um combatente do ISIS na Síria fazia parte da rede.

READ  Caçarola em forma de estrela com Barrichello and Co.

We will be happy to hear your thoughts

      Leave a reply

      Rede Piauí