Marcelo reconhece que governo pode “agravar o estado de emergência”

DrDurante o debate como candidato presidencial, No SIC, em resposta a uma pergunta sobre a continuação do uso do estado de emergência, Marcelo Rebelo de Souza disse que Portugal atingiu hoje o máximo de 10.027 casos diários, e disse que é necessário “aguardar o número” esta quinta-feira, dia em que há reunião do Conselho de Ministros.

“Claro que amanhã [quinta-feira] O governo irá considerar se é necessário manter a ideia original da emergência temporária ou se é necessário escalar o estado de emergência. Veremos. A ideia era esperar até o dia quinze. “

O Presidente da República não disse mais nada sobre o que o governo poderá decidir, mas rejeitou a ideia de que houve “complacência” ao recorrer ao quadro legal do estado de emergência, que permitiria a suspensão de alguns direitos e liberdades. E garantias.

Hoje, depois de ouvir o governo e obter autorização do Conselho da República, o chefe de Estado emitiu um decreto renovando o estado de emergência por mais oito dias, até 15 Janeiro.

O chefe de estado justificou esta renovação por apenas oito dias, lembrando que “dados que podem referir-se ao período entre 23 e 27 DezOu seja, o período de flexibilização das medidas até o Natal, bem como o próximo período do novo ano, embora os números recentes sejam muito preocupantes, indicando Impérios Medidas emergenciais. “

“Somente no dia 12 os especialistas neste assunto serão ouvidos Expectativas De seu desenvolvimento imediato. “

Segundo Marcelo Rebelo de Souza, os números de casos novos infecção E mortes por doença Doença do coronavírus19 – Nos últimos dias, “impôs-se uma contenção cuidadosa, isto é, suspender o actual regime pelo período de uma semana, até que seja possível, entre o décimo segundo e o décimo terceiro dia, decidir sobre uma eventual nova renovação, a sua duração e conteúdo”.

READ  Presidente reeleito promete combater a epidemia e o extremismo

Leia também: Ventura “duas caras” e Marcelo que “apaparica o Governo”

Seja sempre o primeiro a saber.
A escolha do consumidor pelo quinto ano consecutivo para o jornalismo online.
Baixe nosso aplicativo gratuito.

Baixe a Apple Store
Baixe o Google Play

We will be happy to hear your thoughts

      Leave a reply

      Rede Piauí