Florian Kurzel de Würzburg: após uma caminhada de 133 dias até Portugal

Voitsberger Florian Kurzl percorreu 3802 quilômetros em 133 dias – de Barenbach a Santiago de Compostela e depois Fátima em Portugal.

Florian Kurzel começou sua maior aventura em maio: de Barenbach partiu até o final da Via Saint James, até Santiago de Compostela, na Espanha. “Na época, tive a oportunidade de fazer essa viagem. Foi uma mudança na minha vida”, diz Kurtzel.

A primeira parada na área

“Eu sempre viajei muito e muitas vezes estive sozinho. Depois de assistir ‘I’m Going’, de Hape Kerkeling, ficou claro para mim que eu também faria essa viagem.” E assim começou o dia 28 de maio com uma mochila de 20kg e sapatos novos. “Graças a Deus, percebi rapidamente que havia feito muitas malas e enviado algumas. Tive a sorte de não ter bolhas nos pés”, diz ele com um sorriso. Ele parou pela primeira vez em Modryach, onde também passou a noite. “Lá montei minha barraca e passei a primeira noite na floresta – naquela época a temperatura ainda era zero”, diz Kurzel. Em seguida, ele foi para a Suíça, com um guia de caminhada e aplicativos convenientes. “Lá eu conheci alguém que vi novamente em Santiago de Compostela. É inacreditável quantas pessoas você pode falar.”

Intervalo curto

A Estíria Ocidental cobria uma média de 28,5 km por dia. Porém, quando estava em Vorarlberg, teve que se virar novamente: “Recebi um telefonema pedindo minha segunda vacinação. Então peguei o trem noturno, me vacinei e voltei a Vorarlberg para continuar minha jornada.” Em um dia, Kurzel viajou até 52 km. “E mesmo que eu não seja um atleta de verdade”, ele brinca. “O que realmente me surpreendeu: na Espanha conheci uma mulher de 96 anos e uma de cinco anos que estavam fazendo o Caminho de Santiago.”

O acampamento selvagem - com uma bela vista - também estava no programa.

insuficiente

Depois de vários acampamentos no deserto, pousadas e outras aventuras, ele chegou ao seu destino em 19 de setembro: Santiago de Compostela. “Fiquei feliz e aliviado por ter feito isso, mas também triste por ter acabado. Eu sabia que tinha que dizer adeus às pessoas com quem passei tanto tempo.” Por isso decidiu ir mais longe para Fátima, em Portugal. “E então ficou claro para mim: quero ficar aqui. No dia 3 de novembro irei para Lisboa, onde ficarei pelo menos seis meses”.
Ele já tem vários planos para o futuro – no ano que vem quer viajar na Ferrovia Transiberiana. Se você quiser acompanhar Florian em seu caminho, você tem a chance de fazê-lo no Instagram – em florians_travel_diary Ele até manteve um diário durante a viagem para Portugal.

A primeira foto no final em Fátima: Florian Kurzel (à direita) com seus companheiros
Destino principal: Santiago de Compostela

Você gostaria de contribuir com você mesmo?

Cadastre-se agora gratuitamente para contribuir com seu conteúdo.

Incorporação de vídeo

Apenas vídeos individuais das respectivas plataformas podem ser combinados, mas não listas de reprodução, streams ou páginas de visão geral.

Insira o link da mídia social

Apenas contribuições individuais das respectivas plataformas podem ser mescladas, mas não as páginas de visão geral.

READ  Xiaomi Mi 11 Pro pode ter uma estreia oficial exclusiva na Europa

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

Rede Piauí