Flick, ex-treinador do Hoffenheim, deixa o Bayern de Munique – Futebol

O técnico Hansi Flick pediu ao Bayern de Munique, campeão alemão, que encerrasse seu contrato, que dura até 2023. Flick anunciou isso após a vitória por 3-2 no Wolfsburg VFL.

“Eu disse à equipe que informei o clube durante a semana que queria rescindir meu contrato no final da temporada”, disse Flick, que treinou o TSG Hoffenheim de 2000 a 2005, em entrevista à SWR1. Não foi uma decisão fácil.






Flick não fala sobre as razões

O desejo de Flick provavelmente foi motivado pela rivalidade constante com o diretor de esportes Hasan Salih Hamidic. Flick disse que o terreno deve permanecer interno.

Ele tomou sua decisão após “consideração cuidadosa”. Isso abre caminho para que Flick se junte à Federação Alemã de Futebol (DFB), sucedendo ao técnico nacional Joachim Loew. Flick, que mora em Bemental, disse que a DFB era “uma opção em que todos deveriam pensar”.

Ainda não há discussões com DFB

As conversas com o diretor da DFB Oliver Bierhoff ainda não aconteceram. Bierhoff e o presidente da DFB, Fritz Keeler, confirmaram anteriormente que não se dirigiriam ao treinador em um contrato em andamento.

Após 15 anos no Campeonato Europeu (11 de junho a 11 de julho), Loew parou de treinar como técnico nacional. Como assistente técnico de Luv, Flick se tornou o campeão mundial no Brasil em 2014. Ele assumiu o Bayern de Munique em novembro de 2019 e depois ganhou seis títulos.

READ  Philadelphia Eagles change course, fire coach Doug Pederson after five seasons

We will be happy to hear your thoughts

      Leave a reply

      Rede Piauí