Crise da Corona em Portugal: medindo febre enquanto faz compras

Paula News

03/08/2021 5h30, Por Jacqueline Rother – Imprima o artigo Enviar um email

O país, Portugal, foi particularmente atingido pela Corona. Ainda existem regras muito rígidas. Conversamos com um menino como ele lida com isso.

Bernardo sente falta dos amigos.  Foto: Privada
Bernardo sente falta dos amigos. Foto: Privada

Bernardo está andando de bicicleta apenas na garagem no momento. Ele não deveria estar na rua. “Prefiro dirigir no parque”, diz o menino. Vive no país de Portugal. Regras estritas de halo ainda se aplicam lá. Isso foi necessário porque um grande número de pessoas contraíram o vírus.

O histórico da Cidade Universitária de Coimbra pode ser visto por trás de uma placa que indica o acesso ao Centro de Testes Corona.  Regras de halo muito rígidas ainda se aplicam em Portugal.  Foto: Jacqueline Rother
O pano de fundo da Cidade Universitária de Coimbra pode ser visto por trás de uma placa que indica o acesso ao Centro de Testes Corona. Regras de halo muito rígidas ainda se aplicam em Portugal. Foto: Jacqueline Rother

Em Portugal as pessoas só podem sair de casa por um motivo importante. “Só saio para levar minha lição de casa com minha mãe”, diz a menina de cinco anos. Ele vai para o berçário. O ensino é feito online.

Restaurantes, cinemas e lojas em Portugal também estão encerrados. Quando você vai ao supermercado, todas as temperaturas são medidas e as pessoas em todos os lugares têm que usar máscaras. Bernardo só vê seus amigos e avós por videochamadas no momento. Não é permitido encontrar amigos ou parentes corretamente.

Em janeiro e fevereiro, um número particularmente grande de pessoas no país foi infectado com o Coronavírus. Este foi e continua sendo um problema. Não havia leitos de hospital vagos para muitas pessoas gravemente enfermas. Não havia médicos suficientes para ajudar muitos dos pacientes.

Bernardo também contraiu o vírus. “Fiz biscoitos com minha mãe no Natal. Ela não sentiu o cheiro ou o gosto do cheiro e foi ao médico que disse que ela tinha o vírus.” “Então eles colocaram um grande pedaço de algodão no meu nariz para procurar o vírus.”

READ  Eis que o Samsung Galaxy S21 aparece no horizonte (e na grade)

O coronavírus foi encontrado em Bernardo. “Não senti nada, o vírus não me fez mal.” Mas ele estava triste por ter perdido a festa de Natal na escola por causa disso. Bernardo e sua mãe não estão mais infectados com o vírus e estão de volta com boa saúde.

Há cerca de um ano, o Coronavirus se espalhou pela Europa. Por isso Bernardo teve que comemorar 5 anos no dia 28 de março sem os amigos. Este ano, ele deseja: “Quero muito que meus amigos venham à minha festa de aniversário”. Bernardo não sabe se as regras não serão mais rígidas. O presidente de Portugal decidirá em meados de março.

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

RPIAUI.COM PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
Rede Piauí