Brasil: um manifestante ferido | America 21

Recife. Um jovem manifestante foi atropelado durante uma manifestação contra o presidente Bolsonaro e arrastado a metros de distância. O agressor foge, deixando a mulher gravemente ferida desamparada.

No fim de semana passado, inúmeros protestos eclodiram em todo o Brasil contra o atual presidente Jair Bolsonaro. Também na cidade nordestina de Recife, as pessoas se reuniram para protestar pelo impeachment do chefe de estado. Eles também pediram melhores cuidados médicos, mais empregos e suprimentos adequados de vacinas contra o coronavírus.

A mulher de 28 anos, que deseja manter o anonimato, também participou da manifestação. Quando um bloqueio de estrada estourou, ela estava mediando entre os motoristas e os manifestantes quando o motorista de repente deixou o carro. Ela caiu e o carro a carregou por alguns metros. O agressor pegou a estrada e deixou para trás a mulher gravemente ferida. Os participantes forneceram primeiros socorros.

Tanto a vítima quanto os organizadores têm motivação política. O motorista deve ter denunciado a manifestação e ameaçado os participantes com antecedência.

Você valoriza nossos relatórios?

Em seguida, doe para amerika21 e apoie nossos artigos atuais, aprofundados e profissionais sobre eventos na América Latina e no Caribe.

Para que todo o conteúdo do amerika21.de permaneça disponível gratuitamente para todos.

Seu time amerika21

O motorista está sendo investigado por tentativa de homicídio. Ele próprio admitiu o crime, mas afirmou que não foi intencional nem político. Ele justificou seu comportamento dizendo que temia que os manifestantes o atacassem, então ele entrou correndo no carro. O seu advogado Sérgio Gonçalves, que retomou o contacto com a imprensa, também adere a esta declaração e confirma que o seu cliente se encontra em tratamento psicológico desde o alegado incidente.

Priscilla Rocha, advogada de defesa da ferida, suspeita que o acidente foi um acidente. Ela diz: “Já ouvi oito frases e são muitas. Todos que o viram relatam a mesma coisa. Ele não parou, continuou acelerando e não deu a ela chance de sair do carro. Se ela não tivesse resistido, ele a teria atropelado pacificamente. “

READ  30 melhores avaliações de Mavic Pro 2 testado e qualificado

A mulher ferida passou por várias cirurgias e agora está no hospital para observação.

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

Rede Piauí