A vacina russa Corona, Sputnik V, também é produzida no México

No México, até agora, as vacinas são de AstraZeneca E Cansino – embalado para uso na América Latina e no México, respectivamente. Um total de cinco preparações foram aprovadas para uso de emergência no país da América do Norte.

A Argentina foi o primeiro país da América Latina a começar a fabricar o Sputnik V alguns dias antes. Já no Brasil, que é o país mais populoso da América Latina, a autoridade competente proibiu a importação do produto russo na segunda-feira por falta de dados sobre controle de qualidade, segurança e eficácia. Segundo informações de Moscou, o Sputnik já foi aprovado em 62 países. A Alemanha também está em negociações sobre uma possível entrega da vacina.

O México encomendou 24 milhões de pacotes de Sputnik 5 da Rússia no final de janeiro. Mais de 1 milhão de doses da vacina já foram usadas – de um total de quase 17 milhões de doses da vacina administradas no México. Cerca de 4,7% da população mexicana de 126 milhões de habitantes já foi totalmente vacinada contra o Coronavírus – na Alemanha, eles representam 7,4% da população.

Os melhores empregos de hoje

Encontre os melhores empregos agora e
Você é notificado por e-mail.

READ  O que trouxe um funcionário do Google de Londres a Dresden

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

Rede Piauí