Por: Redação Rede Piauí
Repórter

Operação Medium Parnahyba: secretário municipal é preso

Um funcionário dos Correios também foi preso; foram expedidos 45 mandados judiciais

A Polícia Civil do Piauí,  através da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (DEPRE), prendeu na manhã desta sexta-feira (01) o secretário municipal de Obras da cidade de Água Branca, Valmir Tavares de Sales. Os policiais apreenderam na casa dele duas pistolas (sendo uma 765 e um 38), uma espingarda calibre 20 e várias munições. Ele é suspeito de envolvimento no tráfico de drogas e foi preso em flagrante.

Valmir Tavares de Sales, secretário municipal da Obras de Água Branca
Valmir Tavares de Sales, secretário municipal da Obras de Água Branca. (Foto: Divulgação).

O mandado de prisão do secretário está entre os 45 que foram expedidos pela justiça, entre prisões, buscas e conduções coercitivas em Água Branca, Barro Duro, São Pedro do Piauí, Teresina, São Paulo-SP e Caxias-MA. As prisões fazem parte da "Operação Medium Parnahyba", deflagrada nesta sexta (01) desde as 3h da manhã. Em Água Branca, centro da operação, foi confirmada também a prisão de Francisco da Silva Pereira, o Chico Neto, considerado o maior traficante da região.

Armas e munições apreendidas na operação
Armas e munições apreendidas na operação. (Foto: Divulgação Polícia Civil).

Além de Valmir Tavares e Chico Neto, estão entre os alvos da operação funcionários públicos federais e municipais. Inclusive um funcionário dos Correios que mora em Teresina e já está prestando depoimento na sede da Polícia Civil. Todos com suspeitas de envolvimento por tráfico de drogas.

Notícias

MAIS NOTÍCIAS