Por: Thiago Andrade
Repórter

Mulher é presa acusada de oferecer falso emprego na prefeitura e no Estado

Ela se apresentava para as vitimas com nomes diferentes e chegava a passar recibo do dinheiro que recebia

Uma mulher identificada pela Polícia Civil como Ana Catarina Brito Cunha, foi detida suspeita de realizar golpes contra pessoas que estão desempregadas e anseiam por ingressar no mercado de trabalho.

Segundo o delegado João Rodrigo Luna, ela buscava as pessoas pela  internet com a falsa promessa de dar a elas um cargo na prefeitura de Parnaíba, bem como no Estado.

"Ela prometia emprego dizendo que tinha contato com a prefeitura e com o Governo do Estado e pegava currículo das pessoas. Depois ela cobrava uma taxa de em média R$ 350 que ela dizia ser para pagar documentos e então sumia", esclarece o delegado.

Segundo o delegado ela se apresentava para as vitimas com nomes diferentes e chegava a passar recibo do dinheiro que recebia,

Ana Catarina Brito Cunha, foi detida suspeita de realizar golpesAna Catarina Brito Cunha, foi detida suspeita de realizar golpes  Foto:Rayldo Pereira/Cidade Verde

 

 Ana Catarina foi chamada à delegacia sobre outro processo - existem diversas denúncias registradas contra a mesma - e ao chegar ao local a Polícia executou o mandado de prisão preventiva enviado pela 1ª Vara Criminal de Parnaíba pelo crime de estelionato.

Foram contadas cerca de 15 vítimas que deram explicações a Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri). As investigações foram dirigidas pelo delegado Igor Gadelha. A Polícia Civil aproveita para reforçar que a população denuncie.

Notícias

MAIS NOTÍCIAS