Por: Thiago Andrade
Repórter

Moradores denunciam esgoto sem tratamento despejado no Rio Corrente

Não é a primeira vez que o esgoto extravasa direto pro Rio deixando um mau cheiro forte no local

Moradores do loteamento Maternidade, no município de Corrente, denunciam um esgoto estourado na ponte da Taboquinha, perto do Instituto Batista Correntino (IBC), tem contaminado ainda mais o Rio Corrente, que corta o município. De acordo com Nalbia Silva, o problema tem 5 dias e tem incomodado os moradores.

A água suja vai direto para o Rio e incomoda não somente os moradores, mas quem passa pelo lugar. “Eu moro aqui do lado estou pra morrer de mal cheiro, há cinco dias que isso está acontecendo, estamos pra morrer, eu não aguento mais ”, falou.

A água suja vai direto para o Rio e incomoda não somente os moradoresA água suja vai direto para o Rio e incomoda não somente os moradores (Foto:Repórter Alessandro Guerra)

De acordo com ela, isso não é a primeira vez que o esgoto extravasa direto pro Rio deixando um mau cheiro forte no local. “Olha o que essa empresa de esgoto faz comigo, com meus inquilinos e vizinhos, isso não é a primeira vez que acontece, já aconteceu diversas vezes, eu peço ajuda as autoridades, aos órgãos competentes. Pelo amor de Deus me ajudem a resolver esse problema”. Reclamou desesperada.


O diretor da Agespisa, em Corrente, Claudeci Fernandes, explicou que a empresa não tinha conhecimento da ocorrência, acrescentou ainda que no sistema da Agespisa não tem nenhum registro de reclamação por parte da moradora ou qualquer outro, ele disse não concordar que o vazamento persista há 5 dias, e prometeu ainda nas primeiras horas deste sábado (30), verificar a situação.

 

Notícias

MAIS NOTÍCIAS