Por: Redação Rede Piauí
Repórter

Polícia de Miami tem interesse em aplicativos criados no Piauí

Salve Maria tem o objetivo de diminuir a violência contra as mulheres, com mais acessibilidade e segurança

Após reuniões entre policiais civis e policiais militares do Piauí e policiais americanos que apresentam curso de investigação de homicídios na Academia de Polícia em Teresina, os aplicativos que auxiliam a população a realizar denúncias através do aparelho celular, como Salve Maria e Depre-DH, chamaram toda atenção da Polícia de Miami (EUA).

Daniel Valadares, que pertence à Unidade de Homicídios do Departamento de Policia da cidade dos EUA destacou que não há esses aplicativos para passar informações para a polícia em Miami. O policial informou que o disque denúncia é uma das formas mais utilizada nos EUA.

O policial mostrou interesse no aplicativo como o Salve Maria, desenvolvido pela Agência de Tecnologia da Informação do Piauí (ATI-PI) uma parceria com a Secretaria de Estado da Segurança (SSP-PI).

O Delegado Jetan Pinheiro, responsável por trazer o curso para o Piauí ressaltou o entusiasmo dos policiais com os aplicativos.

Aplicativo Salve Maria
O aplicativo Salve Maria pode ser baixado na plataforma Android. Foto: Reprodução Internet.


O aplicativo Salve Maria

Lançado em março pelo Governo do Piauí, Salve Maria em seis meses realizou mais de 49 denúncias por meio do aplicativo, dados da equipe técnica da Agência de Tecnologia da Informação. Com a finalidade de reduzir e prevenir crimes de violência contra a mulher e qualquer cidadão tem acesso ao aplicativo, inclusive podem anexar áudios, fotos, e vídeos.

O aplicativo já foi baixado pelo Play Store 2.404 vezes, e é usado quando o botão apertado emite um alerta com a localização atual da vítima até a Central de Monitoramento da Polícia, onde aciona a viatura mais próxima para atender o chamado.

 

Notícias

MAIS NOTÍCIAS